O processo de ciclagem

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

O processo de ciclagem

Mensagem por Ricardson em Dom Dez 20, 2015 1:15 pm

Ciclagem




O processo de ciclagem de um aquário é parte fundamental do aquarismo consciente, no qual você pensa não apenas em uma decoração de ambiente, mas no bem-estar dos peixes. É através desse processo que serão cultivadas as bactérias nitrificantes, que garantirão que seus peixes não irão morrer intoxicados pela amônia ou pelos nitritos. Vamos desconstruir a ideia de lavar  aquário a cada X meses.

Entenda o ciclo do Azoto

Existe muito material disponível na internet, por isso esse trecho será bem curto. O ciclo do Azoto é definido pela transformação da amônia em nitritos e nitritos em nitratos. A amônia sempre será produzida no aquário por matéria orgânica morta (folhas, peixes, alimentos, fezes, etc.)



Bactérias Nitrificantes

Existem dois grupos importantes de bactérias no ciclo do Azoto: as Nitrosomonas (que transformam amônia em nitritos) e as Nitrobacter (que transformam nitritos em nitratos). É importante destacar dois fatores que auxiliam no desenvolvimento dessas colônias: manter o pH entre 7 e 8, e controlar a temperatura (entre 30 e 32 graus Celsius). Existe alguma divergência sobre o pH ótimo para desenvolvimento dessas bactérias, mas manter sob as condições já citadas é suficiente.

A ciclagem com peixes

Não recomendável!!!! No entanto, se você já comprou os peixes e o único jeito é colonizar seu pequeno ecossistema com os peixes inseridos, as etapas são as seguintes:

1 - Controlar o pH e amônia

A toxicidade da amônia depende do pH, conforme tabela a seguir. Manter o nível da amônia sempre na área verde da tabela, de preferência com valor igual ou menor que 1.



2 - Controlar o nível de nitritos

A amônia sempre será criada pelos habitantes do aquário, e em algum momento a amônia vai ser transformada em nitritos. É muito importante que o nível de nitritos não ultrapasse 1 ppm. Caso isso aconteça, proceder com TPA de 50% do volume de água.

3 - Utilizar um bom sistema de filtragem biológica

O uso de cerâmicas de alta porosidade oferece espaço para que as bactérias se fixem, embora elas estejam presentes em todas as partes do aquário.

4 - Utilizar aceleradores biológicos

Existem alguns produtos no mercado que auxiliam no processo de colonização das bactérias, sendo o Prodibio biodigest e Seachem Stability os mais bem conceituados. Esses produtos, segundo seus fabricantes, possibilitam a inserção de peixes a qualquer instante, desde que seja feita aos poucos, e seguindo as orientações do produto.


5 - Observar o comportamento dos peixes

Ao menor sinal de intoxicação, como falta de apetite, apatia ou dificuldade em respirar, deve-se proceder com TPA de 50% do volume de água.

A ciclagem sem peixes

Essa é o forma adequada para equilíbrio do ecossistema. E pode ser realizada de algumas formas distintas, conforme descritas a seguir. Em todos os métodos, as plantas devem ser inseridas apenas ao final da ciclagem, uma vez que a iluminação e grande quantidade de nutrientes podem gerar uma grande quantidade de algas.

Método 1: Ligue o sistema e esqueça que ele existe

Uma vez esterilizado o substrato, enfeites, troncos, pedras e o que mais habite seu aquário, com seu sistema de filtragem já pronto:

1 - encha o aquário com água sem cloro
2 - ajuste o pH para um valor entre 7,2 e 8,0
3 - meça semanalmente o nível de amônia e nitritos, quando esses chegarem a zero, o aquário estará ciclado.

Observações: para agilizar o processo de criação da amônia, você pode inserir um pouco de ração no aquário e deixar apodrecer. Haverá um pico de amônia, que depois retornará a zero, seguida por um pico de nitritos, que demorará ainda mais para zerar.

Método 2: Injetando amônia

Com o sistema montado:

1 - encha o aquário com água sem cloro
2 - pingue amoníaco (comprado em farmácia, sem corantes), até que a água atinja níveis de amônia entre 3,5 e 5 ppm
3 - meça os níveis de amônia e nitritos a cada dois dias, sendo que mais amoníaco deverá ser inserido, de forma que se mantenha em 2 ppm.
4 - quando os níveis de amônia e nitritos estiverem em zero, inserir a dose inicial de amoníaco. Se em 24 horas ambos os níveis estiverem em zero novamente, a ciclagem estará completa.

Observações:
    Esse método costuma demorar mais tempo do que o primeiro, mas a colônia de batérias se torna maior e mais estável. Nesse método não há necessidade de controlar o pH, uma vez que ao se injetar a amônia, essa reage com a água, gerando o hidróxido de amônio, que é uma base, fazendo com que o pH se torne alcalino.
    Enquanto não chega o dia de inserir os peixes, é importante manter uma dosagem diária de amônia, de forma a manter as colônias de bactérias.

FATORES QUE ACELERAM O PROCESSO DE CICLAGEM!!

O tempo de ciclagem de um aquário varia muito, em média de 45 a 60 dias, mas algumas ações podem acelerar o processo:

Ajuda de um amigo aquarista

Se você conhece um amigo aquarista, isso agilizará significativamente o processo de ciclagem. Deixe sua filtragem biológica  no aquário do seu amigo por duas semanas, pelo menos. Quando for transferir para o seu aquário, aproveite a água da TPA e transfira para o seu aquário. Vale observar que esse procedimento de transferência das mídias biológicas deve ser feito no menor tempo possível, para aproveitar o máximo de bactérias.


Temperatura

Como dito anteriormente, manter a temperatura em 30 graus celsius aumentará a velocidade da colonização. Importante dizer que as bactérias necessitam de oxigênio, e quanto maior a temperatura, maior deve ser a oxigenação da água

Aceleradores de biologia

Há diversos no mercado. São muito efetivos na colonização de Nitrosomonas, mas as Nitrobacter continuam demorando muito a serem cultivadas. Hoje acredito ser apenas uma opção para quem tem dinheiro sobrando, pressa, e nenhum amigo aquarista.

TPAs

Não é recomendável realizar TPAs durante a ciclagem sem peixes, uma vez que as bactérias estão em todo lugar, inclusive na água, portanto parte das bactérias seria perdida, atrasando o processo. Em casos emergenciais, deve ser retirada a menor quantidade de água possível. É importante realizar uma TPA de 50% e medição dos parâmetros no dia da inserção dos peixes no aquário, para garantir que ele estará adequados à sua fauna.

Ricardson
Admin

Mensagens : 9
Data de inscrição : 18/12/2015

Ver perfil do usuário http://clubeaquarismorn.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum